A “consolidação” das contas municipais, a redução da dívida em mais de 7,3 milhões de
euros e o “combate ao desperdício” evidenciam, para o presidente da Câmara Municipal, a gestão “de rigor e eficiência” nos dois anos de mandato do PS à frente dos destinos do município.

 

Leia mais na edição desta semana, já nas bancas.