Pandemia atrasa obra na Zona Industrial

0
8

Foi há um ano que o projeto proposto para a Zona Industrial de Oliveira de Azeméis foi aprovado por unanimidade na Assembleia Municipal para que pudesse sofrer alterações com vista a organizar o trânsito, a complementar o estacionamento existente e dar resposta a várias reclamações. Segundo a autarquia oliveirense, a implementação da nova postura de trânsito poderá “ocorrer no primeiro semestre de 2021”.

“Era pretensão do executivo ter os projetos de requalificação da Zona Industrial já adjudicados. Contudo, a tramitação burocrática para a disponibilização de terrenos para a execução de duas novas rotundas e atual situação pandémica tem atrasado a conclusão deste processo”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis, Joaquim Jorge, em declarações ao Correio de Azeméis. “Salvo questões que não dependam da autarquia, contamos que esta requalificação e consequente implementação da nova postura de trânsito possa ocorrer no primeiro semestre de 2021”, informou.
Segundo avançou o edil oliveirense, a entrada da Área de Acolhimento Empresarial de Ul/Loureiro tem o projeto aprovado, tendo decorrido o concurso público. O investimento, de cerca de 550 mil euros, está previsto avançar no primeiro trimestre de 2021.
A Rua Monte Gordo e a Rua da Indústria, na Zona Industrial de Nogueira do Cravo e Pindelo, já têm adjudicadas a rede de água, que será iniciada “ainda este ano”, de forma a que seja “depois executada a repavimentação do pavimento”.
A Zona Industrial do Nordeste tem o projeto em fase de conclusão, prevendo-se o seu lançamento a concurso público em “finais de 2020 ou início de 2021”, para que possa ser iniciado “ainda este ano” também.
“Os empresários oliveirenses merecem toda a nossa consideração e respeito, pois são os grandes impulsionadores da nossa atividade económica. Por isso mesmo, trabalhamos empenhadamente para que estes projetos possam ver a luz do dia o mais rapidamente possível, cumprindo todos os procedimentos legais”, sublinhou Joaquim Jorge.
“Queremos que os nossos empresários e trabalhadores tenham todas as condições para produzirem e criarem riqueza no nosso concelho e, para isso, as nossas zonas industriais têm de ser espaços devidamente infraestruturados que nos orgulhem a todos”, realçou o presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis, acrescentando que o município está a trabalhar “de forma determinada” para que os projetos estejam em curso ou até concluídos “durante o próximo ano”.