Trabalhar Para Mudar

Bloco de Esquerda

Diogo Barbosa *

Ao olharmos em retrospectiva para os últimos dois anos, deparamo-nos com muitas das fragilidades que o nosso país tem a nível estrutural, que se fazem sentir no dia a dia das pessoas, independentemente do ponto de Portugal em que se encontram. Assistimos em conjunto aos problemas da escola, sobretudo no atraso do processo de digitalização, do desgaste causado nos professores, devido aos maus concursos e falta de profissionais. Assistimos em conjunto aos problemas estruturais do SNS que tão importante foi durante a pandemia e, mostrou ser necessário um investimento público sem precedentes para que o sistema não colapse aos poucos. Assistimos em conjunto à asfixia de quem não consegue pagar a sua renda devido à elevada especulação do mercado imobiliário, alavancada novamente por um turismo sem planeamento, que nos tira das nossas casas.
Ora, a educação, a saúde e a habitação são três dos pilares fundamentais para que uma sociedade possa ser mais justa. Para que todos nós possamos ter uma verdadeira igualdade de oportunidades ao longo da nossa vida.
Isto vem a propósito do PRR. Acredito no Estado e que o Estado é o maior responsável no sentido de garantir uma boa qualidade de vida para as pessoas. Ao falarmos dos valores da famosa “bazuca”, em que a maior fatia do orçamento é para reforçar aquilo que é público, não poderia estar mais de acordo. É necessário melhorar este quadro estrutural e a “bazuca” é, neste momento, a melhor forma de o fazer. Pensar a digitalização da escola a sério, sem que esta perca o seu carácter mais importante que é o ensino presencial, com um quadro de contratações digno para as equipas docentes, sem concursos “casa às costas”. O mesmo para o SNS, com maior atratividade para que não se tenha de contratar médicos tarefeiros para serviços essenciais. No combate à especulação imobiliária, pela regulamentação de preços e criação de rendas acessíveis.
Deve ser este um dos papéis do Estado na execução de um plano deste tipo. Melhorar a qualidade de vida das pessoas.
 * Porta voz da Comissão Política Concelhia do BE

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
PETIÇÃO - LIGAÇÃO FERROVIÁRIA DIRETA AO PORTO
31/01/2023
Trabalhar Para Mudar
31/01/2023
Politicamente (in)correto
31/01/2023
Pensar o Futuro
31/01/2023
Contraditório
31/01/2023
Visão de futuro
31/01/2023
Ainda os 100 anos do Correio de Azeméis
31/01/2023
As Pessoas. Certas.
31/01/2023