Em
Correio de Azeméis

5 Aug 2020

Tapete de flores embelezou festas

Freguesias Nogueira do Cravo

A procissão em honra de S. Cristóvão, Santo Antão e Nossa Senhora dos Prazeres foi presenteada, pela comissão de festas, com um tapete de flores colocado na avenida em frente à Igreja Matriz, no passado dia 26. A iniciativa foi uma estreia nas festas. “Ainda que antigamente houvesse uma tradição com outras características, havia este costume de enfeitar as ruas, as pessoas colocavam flores e verdes às suas portas quando passava a procissão, mas não nesta dimensão nem tão elaborado artisticamente”, explicou o juiz da comissão de festas, Valdemar Dias, ao Correio de Azeméis. Aliado à necessidade de cumprir uma das medidas de contingência, devido à Covid-19, criando um corredor de segurança, os membros da comissão tiveram a ideia de fazer o tapete de flores. “Apesar de vivermos numa pandemia, a ideia do tapete foi para lembrar melhor as festas e para que os nogueirenses pudessem também celebrar junto das suas famílias”, declarou. O tapete, com cerca de 100 metros, foi executado com 15 dias de antecedência. Isto porque as flores eram “fitas de madeira tingidas” e precisavam de tempo para secarem. Só na noite anterior à procissão montaram o tapete na rua e juntaram algumas flores verdadeiras e relva “para não ser só um tapete artificial e também haver parte natural”, contou. Ainda não se sabe se a iniciativa terá continuidade no futuro.

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Sub-17 da Oliveirense erguem o troféu de campeões
26/02/2024
“As sondagens têm um papel de condicionar o voto”
26/02/2024
CDU quer distribuição de riqueza
26/02/2024
Carlos Fonseca, o ‘pai’ do teatro oliveirense
26/02/2024
Biografia de Ferreira de Castro apresentada
26/02/2024
UNIR continua em falha
26/02/2024
Lulucabit, um talento oliveirense
26/02/2024
GM Macinhatense irá celebrar 89 anos
26/02/2024
PUB