PS celebra 17500 dias de liberdade

Concelho

O período vivido em liberdade já é maior do que em ditadura

As comemorações do 25 de abril já arrancaram um pouco por todo o país. Os quase de 50 anos de liberdade foram assinaldos pelo PS, na sua sede em Oliveira de Azeméis.

No passado dia 24 de março, na sede do Partido Socialista em Oliveira de Azeméis, o evento 'Mais um dia de Liberdade', assinalando 17500 dias que se vive em democracia, sendo agora superior ao período em que se viveu em ditadura.
Esta foi uma cerimónia que contou com os discursos de Joaquim Jorge, presidente da câmara municipal, Bruno Aragão, presidente da concelhia do PS e Vasco Alves, presidente da Juventude Socialista. Existiram momentos de declamação de poemas, relacionados com a liberdade e ainda a apresentação de um mini-documentário 'Mudar de Vida' da RTP 2.
Joaquim Jorge, em declarações à Azeméis TV/FM, referiu a importância de um evento como este e da liberdade conquistada, que deu lugar à democracia no qual vivemos hoje.
“Efetivamente esta data é muito importante, porque temos mais um dia de liberdade do que o período que vivemos de ditadura. Isto é muito importante, porque obviamente permite-nos comparar aquilo que foi o trajeto do nosso país, a nossa evolução e conquistas após o 25 de abril. (...) O percurso continua a ser feito, ainda não chegámos ao fim desse caminho, eventualmente houveram coisas que podiam ter sido feitas de outra forma, mas acho que o percurso que conseguimos nestes 48 anos de democracia deve orgulhar todos os portugueses e deve ser um exemplo para o mundo."
No evento foram, também, expostos dois cartazes, que são duas réplicas dos quadros de Vieira da Silva e têm uma forte mensagem de simbologia da liberdade e da revolução.

 

"É mais uma conquista, todos os dias de liberdade são mais uma conquista. E o que nós quisemos fazer, foi assinalar este percurso de 17500 dias que hoje completamos superando o que foi o período da ditadura. Tem uma fortíssma carga simbólica e queremos nós assinalar essa carga simbólica também em Oliveira de Azeméis, um pouco como vai acontecendo no país."
Bruno Aragão, presidente da concelhia do PS, em declarações à Azeméis TV/FM
 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Jovem de 15 anos atropelada
30/01/2023
‘Carnaval de Pindelo’ promete arrasar
30/01/2023
Hattrick de Martinez na goleada da Oliveirense
30/01/2023
Três pontos garantidos já perto do final
30/01/2023
Homenagem a Henrique Vieira
30/01/2023
Juniores da Oliveirense golearam
30/01/2023
Estoril empresta Serginho à Oliveirense
30/01/2023
Anthony Carter chegou e já mostrou trabalho
30/01/2023