Em
Correio de Azeméis

26 Oct 2022

Politicamente (in)correto

CHEGA

Manuel Almeida *

Os truques do orçamento.
Após uma análise detalhada e aprofundada à proposta de orçamento apresentada pelo governo socialista e que começará a ser debatido amanhã, ficamos com a certeza que se trata de um orçamento igual a muitos outros, onde o principal foco é o aumento da receita fiscal e da falta de investimento.

Este é um Orçamento que não fortalece as empresas nem as famílias, que não incentiva o crescimento económico nem combate a tendência do aumento da pobreza. Será mais um orçamento à imagem de António Costa e Fernando Medina, um orçamento muito optimista e repleto de truques e mentiras!
O ministro das finanças vangloria-se com o excedente orçamental no final deste ano, mas não diz como alcançará este excedente, omitindo aos portugueses, que este “milagre” deve-se exclusivamente ao aumento da receita fiscal, graças aos sucessivos aumentos da inflação e à redução do investimento público, mas também a inúmeras cativações nas áreas da saúde, educação e obras públicas, que ficaram muito aquém da execução orçamental prevista para cada uma destas áreas.
António Costa prometeu creches gratuitas para todas as crianças que frequentam o sector público ou IPSS, alargando a medida ao sector social a partir de Janeiro do próximo ano. Só que o concurso previsto para as 5 mil vagas deveria ter aberto em Setembro, mas até ao dia de hoje ainda não abriu…ou seja, muito provavelmente o investimento previsto de 20 milhões de euros ficará nos cofres do estado este ano.
No dia 12 de novembro de 2021, foi aprovada na Assembleia da República, com a abstenção do deputado socialista Bruno Aragão, uma recomendação da Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, que recomendava ao Governo que iniciasse de imediato a empreitada de reabilitação do troço entre os quilómetros 262,1 e 271,1 do IC2 na freguesia do Pinheiro da Bemposta. Aproximamo-nos do final de 2022 e
não existem indícios das obras recomendadas e segundo a Infraestruturas de Portugal, não estão previstas quaisquer obras de requalificação para aquele local. Ou seja, mais uns milhões de euros que ficam nos cofres do estado este ano, e mais uma vez com a completa inércia do autarca socialista de Oliveira de Azeméis que parece que desconhecia este facto… Será?
* presidente da comissão política Concelhia do CHEGA
 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Jovem de 15 anos atropelada
30/01/2023
‘Carnaval de Pindelo’ promete arrasar
30/01/2023
Hattrick de Martinez na goleada da Oliveirense
30/01/2023
Três pontos garantidos já perto do final
30/01/2023
Homenagem a Henrique Vieira
30/01/2023
Juniores da Oliveirense golearam
30/01/2023
Estoril empresta Serginho à Oliveirense
30/01/2023
Anthony Carter chegou e já mostrou trabalho
30/01/2023