Em
Correio de Azeméis

15 Dec 2022

Maior academia de CNC do país inaugurada em Oliveira de Azeméis

Destaques Concelho

Com a presença da Ministra Ana Mendes Godinho

No ano de 2021 o CENFIM celebrou um protocolo de cooperação com o maior fabricante de Máquinas-Ferramentas mundial – HAAS, para a implementação de um “Gene Haas Center”. De entre cerca de três dezenas de “Gene HAAS Centers” implantados em todo o mundo, coube agora ao CENFIM ser o incubador desta iniciativa em Portugal, sediado em Oliveira de Azeméis e inaugurado, no passado dia 09 de dezembro, pela ministra do trabalho, solidariedade e segurança social, Ana Mendes Godinho.

Fundação Gene HAAS, responsável pelo projeto em parceria com o CENFIM, investiu 350 mil euros no novo centro de formação, a juntar aos 1,5 milhões de euros cofinanciado pelo PRR e ainda pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional através do orçamento do CENFIM.

A isso não será certamente alheio o seu contexto histórico e a sua estratégia para a qualificação em prol das Empresas do Sector da Metalurgia e Metalomecânica ao longo dos seus 37 anos de existência, e onde a formação em CNC tem tido um papel de destaque. O Núcleo do CENFIM de Oliveira de Azeméis é aquele que agora acomoda esta parceria com a HAAS justificando-se pela sua centralidade geográfica, mas também no contexto do mapa industrial do Sector Metalúrgico e Metalomecânico da região, pelas condições físicas e técnicas que detém, e por uma forte tradição de formação em CNC, especialmente solicitada pela indústria de moldes que envolve toda esta região, para além das restantes outras 12 localidades onde se encontra o CENFIM.
Este é um projeto que surgiu no âmbito do programa mundial da Fundação Gene HAAS, que investiu 350 mil euros neste centro de formação, e teve como seu representante Simon Vanmaekelberch, que justificou este investimento em Oliveira de Azeméis precisamente por ficar “no meio da indústria do metal e sentimos que este centro pode fazer a diferença para estas empresas. Todas as empresas precisam de engenheiros, mas também precisam de operadores, de pessoas que façam controlo de qualidade e todas estas pessoas precisam de ter habilidades técnicas e por isso penso que este centro poderá fazer a diferença”, referiu durante o seu discurso de inauguração, que enalteceu ainda que os mais jovens podem assim ter uma oportunidade de encontrar bons empregos em Oliveira de Azeméis e não apenas nos grandes centros.Nesta mesma cerimónia foi apresentado o novo logotipo do CENFIM, que convidou o artista Pedro Cabrita Reis a dar uma nova vida à imagem em espiral que representa “um parafuso sem fim”, referiu o artista. Antes do encerramento da sessão de inauguração foram ainda homenageados os concorrentes do Worldskills 2022, onde formandos do CENFIM foram destaque e campeões em algumas das categorias do concurso.  
“Portugal começa a ser em cada ano que passa um player global com mera importância neste setor tecnológico vital, este objetivo tem sido atingido graças á resiliência e competências das nossas empresas. A presença de hoje aqui do senhor do comendador António Rodrigues, fundador do grupo Simoldes, honra e simboliza de forma inequívoca a audácia e competência dos nossos empresários. Mas, este objetivo também sido realizado graças aos organismos que se dedicam, empenhadamente, à formação de jovens técnicos e engenheiros, entre esses organismos tenho de destacar o CENFIM.”
Carlos Vilas Boas, HAAS Portugal

Novo logotipo do CENFIM foi anunciado durante a cerimónia da autoria do artista Pedro Cabrita Reis. “Uma obra que pretende ser uma visão criativa entre a arte e a indústria”, explicou Manuel Grilo, diretor nacional do CENFIM

O porquê da aposta em Oliveira de Azeméis
“Este investimento no núcleo de Oliveira de Azeméis justificasse pela centralidade geográfica, mas também no contexto do mapa industrial do setor metalúrgico e metalomecânico da região. Pelas condições físicas, técnicas que tem e por uma forte tradição de formação em CNC, especialmente solicitada pela indústria de moldes que envolve toda esta região. O nosso núcleo de Oliveira de Azeméis destaca particulares oportunidades para esta iniciativa, pela sua exerção junto da comunidade industrial e pelas necessidades especificas em matérias qualificações profissionais, onde o CNC assume um papel de destaque.”  
Manuel Grilo, Diretor nacional do CENFIM

“A escolha de Oliveira de Azeméis é evidente pela sua centralidade e pelo número de empresas que temos instaladas no concelho, mas é também o reconhecimento pelo trabalho extraordinário que tem sido feito pelos dirigentes, pelos formadores e pelos formandos, que está bem patente nos inúmeros prémios nacionais e internacionais.”
Joaquim Jorge, presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis 

Fundação Gene HAAS entregou ao CENFIM o cheque de 350 mil euros no dia da inaguração. 

“Eu acho que hoje é um dia marcante para Oliveira de Azeméis, mas também para o país. Estamos aqui a inaugurar um espaço financiado pelo PRR, precisamente nesta que foi uma prioridade que assumimos de investimento nas qualificações. Ainda mais importante numa parceria com a Gene HAAS, com o CENFIM e com o IEFP, precisamente num concelho que tem tanta presença da indústria. A nossa aposta é esta, é ter uma formação desenhada à medida e em conjunto com a indústria. Para garantir que as competências destes formandos respondem completamente às necessidades da indústria. E são eles que trazem inovação e que trazem capacidade de aumentar a competitividade da indústria.”
Ana Mendes Godinho, Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em declarações ao Correio de Azeméis
 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Jovem de 15 anos atropelada
30/01/2023
‘Carnaval de Pindelo’ promete arrasar
30/01/2023
Hattrick de Martinez na goleada da Oliveirense
30/01/2023
Três pontos garantidos já perto do final
30/01/2023
Homenagem a Henrique Vieira
30/01/2023
Juniores da Oliveirense golearam
30/01/2023
Estoril empresta Serginho à Oliveirense
30/01/2023
Anthony Carter chegou e já mostrou trabalho
30/01/2023