Em
Correio de Azeméis

24 Oct 2022

Cinco anos à espera de alcatroamento

Destaques Fajões Concelho

clientes já se recusaram a visitar as INSTALAÇÕES

A ‘MoldsandMore, Lda’, empresa sediada em Fajões, revelou ao ‘Correio de Azeméis’ que aguarda desde 2017 o alcatroamento da rua que dá acesso às suas instalações.

Em 2017 a empresa diz que obteve a promessa de resolução do assunto pelo então executivo da câmara municipal, à data liderado pelo PSD, e expôs a situação ao atual presidente da junta de freguesia, Óscar Teixeira, que foi quem fez a ponte com o novo executivo, então já liderado por Joaquim Jorge.  Ao ‘Correio de Azeméis’ Óscar Teixeira garantiu que “está em processo um estudo para essa via entre a junta de freguesia e a câmara municipal. O estudo será entregue aquando a apresentação do plano de reestruturação da zona industrial de Fajões, Cesar e Carregosa”.No dia 6 de dezembro de 2021, António Jorge Costa, um dos administradores da empresa interveio na assembleia municipal, com Joaquim Jorge a reconhecer o problema. Passaram dez meses e a empresa de Fajões ainda não obteve qualquer resposta por parte da câmara municipal. O ‘Correio de Azeméis’ tentou contactar a câmara municipal, mas até ao fecho da edição não obteve resposta.

“Temos clientes que evitam vir à nossa empresa, porque não temos condições de acesso desejáveis. Este ano emitimos um email para a junta de freguesia. Fui informado de que foi enviado para o senhor vereador da câmara municipal. Após algum tempo de espera, não obtivemos um email de resposta, não obtivemos um telefonema. Enviámos, posteriormente, um email ao vereador da câmara municipal. Não obtivemos resposta. E daí estarmos cá a fazer esta intervenção”. 
António Jorge Costa  assembleia municipal de 6 de dezembro de 2021

“Efetivamente a estrada não reúne condições de transitabilidade. É verdade também que o senhor presidente da Junta de Freguesia de Fajões repetidamente tem falado neste assunto. Trata-se de um investimento substancial. Mas, prometo-lhe que, procuraremos tornar a via transitável para que depois se faça uma intervenção no sentido de a requalificar com as condições de dignidade que o senhor e todos os outros empresários que ali se venham a instalar merecem. Não deve ter havido ainda oportunidade, mas, certamente receberá uma resposta a esse email”.
Presidente Joaquim Jorge, assembleia municipal de 6 de dezembro de 2021

Empresa pondera mudar de instalações
Mariana Maurício, responsabilidade da qualidade da ‘MoldsandMore, Lda’ revela que a situação é complicada durante todo o ano. De inverno a lama torna a via praticamente intransitável tendo “já ficado presos vários camiões”. De verão “a enorme quantidade de poeira causa problemas de saúde aos funcionários e causam avarias nas máquinas”. 
Ao ‘Correio de Azeméis’ Mariana Maurício revelou ainda que “esta situação dá uma péssima imagem à empresa. Se soubéssemos o que sabemos hoje não teríamos vindo para aqui. O contrato de arrendamento terminará em 2028 e ponderamos mudar de instalações”.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Jovem de 15 anos atropelada
30/01/2023
José Costa, bombeiro oliveirense, homenageado com mérito profissional pelo Rotary Club de Oliveira de Azeméis
28/01/2023
Dois feridos numa colisão em Macieira de Sarnes
28/01/2023
Serginho é reforço e já treina na Oliveirense
27/01/2023
Cesar recebeu torneio de semirrápidas
27/01/2023
Congresso da Indústria de Moldes regressa a Oliveira de Azeméis
27/01/2023
Homem detido por furto em estabelecimentos comerciais
26/01/2023
Inscrições abertas para o 3º “Street Food & Beer
26/01/2023