A apresentação do livro ‘Entre a Terra e as Nuvens’ marcou a estreia da oliveirense Arminda Santos na arte da poesia, uma vez que foi uma obra que a escritora “nunca pensou publicar”.

 

Leia mais na edição desta semana, já nas bancas.

Comentários