Manuel Alberto “desafia-se” e recandidata-se à união

“Farei o meu melhor com todo o empenho”

0
11

É um desafio muito grande porque quanto mais nos envolvemos nos projetos, mais exigentes vão ser aqueles que nos escolheram para darmos continuidade aos mesmos”, descreveu o presidente da União das Freguesias de Oliveira de Azeméis, Santiago de Riba-Ul, Ul, Macinhata da Seixa e Madaíl, Manuel Alberto, na noite oficial de apresentação da sua candidatura à união. Em reflexão, o autarca admitiu que os problemas das cinco freguesias não ficaram resolvidos na totalidade mas garantiu que vão procurar solucioná-los caso lhe seja dado oportunidade para um novo mandato.

Marta Cabral

A palavra “desafio” foi muitas vezes mencionada no discurso de Manuel Alberto. Em entrevista à Azeméis TV, o autarca esclareceu o motivo para tal. “Quando somos confrontados com tantos problemas, a vontade é de desistir mas, como já resolvemos alguns, iremos continuar a trabalhar para os restantes ficarem solucionados”, afirmou o autarca, dando exemplos como a falta de infraestruturas na rede viária e de saneamento.
Para Manuel Alberto, a equipa que o acompanha é uma peça essencial. “Temos que contar com as pessoas que conhecemos melhor. Podemos, eventualmente, ajustar alguns pormenores mas, fundamentalmente, queremos continuar com as pessoas que entendemos que serão as mais adequadas para assumir estes desafios”, explicou.
A gestão autárquica exige uma “disponibilidade absoluta” e o atual presidente da união comentou que terá que “dispensar” mais uma vez a sua família, caso “mereça a confiança” dos eleitores em prol do trabalho para a comunidade. “Farei o meu melhor com todo o empenho”, assegurou Manuel Alberto.

“O Manuel Alberto Pereira marcou o meu percurso e de muitos jovens como eu, que vieram para a política pela sua mão. O trabalho de Manuel Alberto não começou há quatro anos, mas sim há anos atrás quando começamos a construir uma equipa”
Bruno Aragão, presidente da Comissão Política Concelhia do PS

“Não tenho dúvidas que Manuel Alberto é o homem certo no lugar certo. É o homem que teve capacidade de reclamar junto do executivo camarário todos estes investimentos que estão a decorrer nesta união de freguesias”
Engenheiro Joaquim Jorge