Bombeiros aguardam vacinas

0
34

Os Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis entregaram, à Autoridade Regional de Saúde do Norte (ARSN), uma listagem com os elementos a serem vacinados com prioridade nesta primeira fase, que abrange inicialmente 50 por cento da parte operacional da corporação. A previsão é que sejam vacinados na primeira quinzena de fevereiro. A seleção desta percentagem de pessoas cumpre alguns requisitos para que siga um critério igualitário.
“A vacinação é ponto chave no risco de contaminação, julgo que estará para breve”, afirmou o comandante António Justino, esperando que o procedimento seja efetuado até meados deste mês. “Os restantes elementos serão ainda contemplados na primeira fase, são as informações que nos têm chegado”, adiantou, ainda que não existam datas oficiais para nenhum dos procedimentos. “Quem já teve covid-19 neste momento não é prioritário na fase de requisitos na vacinação”, acrescentou.
Ainda que o risco de transmissão seja “muito baixo”, tendo em conta o equipamento de proteção usado pelos bombeiros, o comandante admite que “a regularidade da testagem” seria importante, uma vez que é feita em caso de sintomas ou suspeitas. Atualmente, registam três infetados, sendo que um apresentou sintomas mais graves e está hospitalizado, e um grupo de pessoas em isolamento. Estas situações podem, eventualmente, limitar os serviços prestados pela corporação. “A nível operacional, do socorro, o serviço está sempre garantido. Há outros serviços que às vezes são condicionados, mas é uma questão pontual”, referiu. “Somos parte da solução, da linha da frente para os levar, no âmbito de socorro e também para os trazer para casa”, concluiu.
O presidente da direção dos bombeiros, António Gomes, avançou que já teve, inclusive, de pedir ajuda à Câmara Municipal, mediante um protocolo, para que dispensasse dois bombeiros que lá são funcionários. “A vacinação é um problema nacional, sei que a delegada de saúde também está interessada em ver estes problemas todos resolvidos”, declarou, ao explicar que exigiram ser considerados prioritários no momento em que foram estabelecidos os critérios.