Ações para a “melhoria das condições empresariais”

0
14

O orçamento e o plano de atividades previstos para o próximo ano da Associação Comercial dos Concelhos de Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra (ACCOAVC) foram aprovados por unanimidade em Assembleia Geral no dia 24 de novembro, estando prevista uma verba de 135.675 euros.

“Para o próximo ano, elaborámos uma proposta de orçamento pautada pela prudência”, explicou fonte da associação ao Correio de Azeméis.
A pandemia da Covid-19 fragilizou os negócios e deixou o seu rasto, que se manifestará no ano de 2021. “Será um ano ainda mais difícil e de uma superação ainda maior, de forma a que, todos juntos, consigamos ultrapassar esta pandemia e todas as consequências económicas que se têm verificando no nosso país”, disse a mesma fonte.
Ainda assim, e apesar de o orçamento se reger pela cautela, os órgãos sociais da associação não descuram nem esquecem “o esforço arrojado que tem de continuar a ser feito para atingir os objetivos”.
Nesse seguimento, as preocupações manifestadas têm dado lugar a um “empenhamento ativo na procura de soluções e critérios para uma gestão zelosa e criteriosa em prol de todos os sócios”.
O plano de atividades elaborado assenta “na procura de melhores condições” para os negócios, “realizando ações de promoção” e na “melhoria das condições empresariais junto das instituições e organismos estatais que regulam a atividade económica”.
Quanto ao orçamento, sendo uma organização sem fins lucrativos, os rendimentos são equivalentes aos gastos.

Ação de Natal dinamiza sorteio de descontos
No sentido de revitalizar o comércio tradicional do concelho, a AECOA e o município de Oliveira de Azeméis promovem uma ação de Animação de Natal 2020, distribuindo 7.500 euros em vales. A iniciativa fomenta a participação ativa dos diversos agentes económicos e dos cidadãos com a atribuição de vales de desconto no valor de 10 euros em compras a partir dos 25 euros em lojas aderentes, podendo os participantes acumular talões na mesma loja para atingir o valor, até 31 de dezembro.